Menu

27/ 06/ 2018

Beneficiário solicita desligamento voluntário do Bolsa Família em Jaçanã/RN

Clique para ampliar

Em meio a tantos casos de corrupção no país, tivemos um ato de cidadania e de preocupação com o próximo. O Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) do município de Jaçanã/RN, registrou um desligamento voluntário do Programa Bolsa Família (PBF) na manhã desta quarta-feira, 27. O gesto honesto e cidadão foi do ex-beneficiário do programa, José Augusto da Silva.

De acordo com a equipe do CadÚnico, o então beneficiário explicou que sua família adquiriu uma renda superior à repassada pelo programa e, por isso, decidiu fazer o desligamento. “O senhor José veio por livre e espontânea vontade solicitar o seu desligamento do programa”, disse a Coordenadora do Programa em Jaçanã, Samantha.

Já a Secretária de Assistência Social, Eliane Florêncio, parabenizou a iniciativa do senhor José Augusto pela ação e atitude de realizar o desligamento voluntário do benefício do Programa Bolsa Família. “É muito bom quando a pessoa tem consciência de que não precisa mais do benefício, quem ganha são as outras famílias que precisam e estão na fila de espera”, disse enfática, Eliane Florêncio.

Desligamento

O desligamento voluntário do Bolsa Família deve ser solicitado em casos de melhora socioeconômica. Isso normalmente acontece quando o titular ou algum membro do núcleo familiar encontra um bom emprego, capaz de melhorar o orçamento.

O Bolsa Família é um programa do Governo Federal que ajuda milhões de brasileiros, através da transferência de renda direta. O benefício tem como objetivo melhorar as condições de vida das famílias pobres e extremamente pobres, em especial no que diz respeito à alimentação, educação e saúde.

Como solicitar?

Quem melhorou de vida e não precisa mais do benefício, deve comparecer à sede da Secretaria de Assistência Social ou ao CadÚnico para realizar o desligamento do programa. O procedimento requer a apresentação de RG, CPF e número do NIS.

Somente o gestor responsável do Programa Bolsa Família tem condições de realizar o desligamento voluntário, portanto não tem como cancelar o Bolsa Família online.

Com o desligamento voluntário, uma nova vaga é aberta no programa social e assim uma família que realmente precisa pode ser beneficiada com a ajuda do governo.

É possível retornar ao programa?

O prazo de desligamento é de três anos. Se, nesse período, o cidadão perder o emprego e voltar a situação de vulnerabilidade, ela poderá retornar ao programa e receber a assistência financeira mensal.

Para solicitar o retorno ao Bolsa Família, é necessário procurar um posto de atendimento na sua cidade, fazer a atualização do cadastro e realizar o pedido de reversão do benefício.

O desligamento voluntário do Bolsa Família garante a rotatividade do programa.

ASCOM | Fonte: Secretaria de Assistência Social

Compartilhe: